huffpostbrasil.com
Jovens, negras da periferia: elas são o que querem ser!
Para elas, fazer política é se reconhecer como mulher negra, do cabelo black, crespo ou tranças, lutar contra o racismo e até quando falam sobre bandas afro.