gabyhaviaras.com
Não, violência não!
Violência! É a primeira palavra que me vem à cabeça nestes dias de processo eleitoral no Brasil