diariodeceilandia.com.br
Morador de Ceilândia é condenado a 73 anos de prisão por pedofilia e estupro de vulnerável
O Tribunal de Justiça do Distrito Federal condenou um servidor da Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap) a um total de 73 anos e 11 meses de prisão. Ele é acusado de pedofilia e estupro c…