dezoito.pt
Queria que fosses tu. - Dezoito
Queria que fosses tu. Na porta, de braços abertos, dizendo-me que estava tudo bem, que me amavas e que como sempre eu tinha exagerado. Mas não queria que fosses tu, o cadáver presente na morgue. Não queria que fosses tu a ir embora, definitivamente.