dezoito.pt
Mar de sensações. - Dezoito
E num ápice o chão fugiu-me por entre a multidão de pessoas. Pessoas que me iam apertando e sufocando. O meu corpo ganhara agora vida própria. Os meus dedos tilintavam uns nos outros, batendo nas minhas pernas compulsivamente. Os meus dentes cerravam e eu sentia-me ser devorada pelo mundo. As portas trancaram, as janelas encerraram …