ritacor.com
é a trabalhar que a gente paga o jantar…
… mas foi a trabalhar que a gente fez a faca para o cortar. Este refrão do Sérgio Godinho, escrito em 76, em pleno PREC, tem muito que se lhe diga. “é a trabalhar que a gente paga o jan…