ressabiator.wordpress.com
O Vale da Estranheza
Na Aldeia da Luz, sinto-me quase sempre na obrigação de estranhar, de estranhar tudo. De ter a consciência que todas as ruas e casas são instâncias das casas da outra aldeia destruída, inundada. Ca…