republicadecuritibaonline.com
Gilmar Mendes vota contra prisão após condenação em segunda instância
O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes votou hoje (7) pela inconstitucionalidade da execução provisória de condenações criminais, conhecida como prisão após segunda instância. A…