poeticadebotequim.com
Ouve-me
Ouve-me Mesmo que anseies ser Só sombra a te espelhar, Vives a meio caminho Entre a luz e o meu olhar! Mesmo que na floresta te unas à matilha Para nela te vislumbrares, Tua essência reside num paí…