pitadasdosal.com
Pérolas Negras de Melodia em show de Pedro Luís
O carioca e discípulo do Negro Gato do Estácio, Pedro Luís, revisita repertório do mestre em versões originais no show Pérolas negras – Homenagem a Luiz Melodia. Pedro não quis apenas reproduzir os arranjos originas das canções maravilhosas de Luiz Melodia, mas sim colocar sua própria marca e suíngue. Dentre as canções do repertório, Pedro traduz ao seu estilo a dor do samba Estácio, Holly Estácio (Luiz Melodia, 1972) em tom terno, evoluiu sinuoso no Forró de janeiro (Luiz Melodia, 1973), expôs com fluência a arquitetura melodiosa de Objeto (Luiz Melodia, 1973) – número em que o iluminador Cesio Lima tingiu o palco de vermelho em sintonia com a cor dos versos – e reiterou que a música de Melodia está viva na cadência samba-canção-jazz de Abundantemente morte (Luiz Melodia, 1973). Produzido com caprichada direção artística de Bianca Ramoneda o show Pérolas negras – Homenagem a Luiz Melodia, traz Pedro Luís, em contínua evolução como intérprete, que gravitou em torno da cidade que gerou Luiz Melodia. Parabéns Pedro por apresentar essa linda homenagem a um dos grandes músicos de nossa constelação da MPB. Salve Luiz Melodia!, mostrando o brilho perene da obra desse gênio conterrâneo que, a despeito de todas as cobranças, se fez forte feito nobre humano. ♪ O roteiro do [...]