pensebem.blog
Fábula “O gosto e a língua”
Um mestre zen descansava com seu discípulo. A certa altura, tirou um melão de seu alforje, dividiu em dois, e ambos começaram a comê-lo. No meio da refeição, o discípulo comentou: – Meu sábio mestr…