oquedizestu.wordpress.com
A paternidade aos meus olhos e aos pés dela – 6 meses depois
São tempos áureos estes que vivo desde que fui pai. (Ah até que enfim. Sempre sonhei começar uma dissertação desta índole pela expressão: “são tempos áureos”. Que maravilha.) A imensidã…