marcosbulcao.blog
Por que acreditamos no que acreditamos?
All things that are, are with more spirit chased than enjoyed (Merc Venice, II, 6) Por que acreditamos no que acreditamos? Ou deveríamos, talvez antes, perguntar: por que não acreditamos no que não…