lucianevalencaarts.wordpress.com
É só a escuridão da incerteza do amanhã
Balance ilustrada pela poesia belíssima de Carlos Eduardo Leal. Equilibrava-se sobre a tênue esperança guiado pela festa anterior. Tinha a lua por companhia, mas era dela que sentia falta. Dentro d…