lerpensar.wordpress.com
Terra
Nunca a terra assim se disse na beleza calma das águas na melopeia frágil dos seixos raiados de azul e prata e nos meus olhos que ulcerados de aparente sem sentido devagarinho pousam nas raízes dos…