isalisboa.com
Poema sem sentido
Nasceu pássaro Perdeu as asas Por falta de uso; Tentou cantar Mas não era ave canora Esse ofício não ia ter; Não sabia nadar Peixe não poderia todavia ser; Correr também não conseguia Para a savana…