facadax.com
A florista e outros poemas
por Francisca Júlia da Silva* A Florista Suspensa ao braço a grávida corbelha, Segue a passo, tranquila… O sol faísca… Os seus carmíneos lábios de mourisca Se abrem, sorrindo, numa flor…