divagacoesgcc.wordpress.com
Já não sei… Eu só!
Já sem esperança resolvi acreditar na vida! Quando tudo ficou em silêncio pude perceber que estava só. Já não sou mais necessário, não faço falta! Se sou lembrado já não sei, ninguém me diz. Ningué…