dasculturas.com
Poema | Miguel Torga
O sol dos Sonhos derreteu-lhe as asas. E caiu lá do céu onde voava Ao rés-do-chão da vida. A um mar sem ondas onde navegava A paz rasteira nunca desmentida… Mas ainda dorida No seio sedativo da pla…