cloefenix.com
Ideias Soltas - Texto 20 - Cloe Fenix
Uma promessa sem amor É como o Verão sem calor Um frio em desespero Só porque eu vivo em ardor Corre por aí Que eu vivo sem o sabor Daquela bela história Que termina com muito amor A saudade que partiu Sem nunca podes ficar Eu não sei mais de cor Partiu sem se anunciar Eu não vivo a cada dia Com a febre a raiar Eu sigo a minha vida Com um brilho no olhar O amor que me vicia Nem sempre terá lugar Naquela rica vida Que tu chamas de lar