cloefenix.com
Ideias Soltas - Texto 15 - Cloe Fenix
Uma sombra negra Cobre o que para mim é mais belo Tão escuro, tão obscura Que não sei o que ofusca Mas o que de mim leva Isso sim me machuca Eu não sei como vai ser O que a dor faz em mim Aquilo que eu quero ser Aquilo que vai ser de mim. Por mais, que me afaste Eu não posso fugir A sombra que por mim passou Agora vive agarrada a mim. Este não é o fim Nem se quer, o início A dor que cresce em mim Me levou à beira de um abismo Eu respiro, eu sinto Que com ela eu vou viver A dor que não vai partir Vai mudar-me internamente Não importa mais a dor Aquilo que eu estou a sentir Por mais que lamente o passado Este não poderá mais vir Agora eu vivo um presente Onde eu sei, o que mais me falta Mas no frio no meu vazio Eu encontrei que me amava Não esqueço o sonho Apenas aprendi a viver A dor que um dia cresceu Eu não esqueci, apenas escondi No fundo do meu ser