caminharnagraca.com
A questão não é a desgraça alheia
Precisamos entender que o nosso foco não é a desgraça alheia, mas compreendendo o seu sofrimento oferecermos nossas vidas para que possam conhecer a Deus.