blogdopauloruch.com
“Em seu primeiro monólogo, ‘O Filho Eterno’, adaptado do grande sucesso literário de Cristóvão Tezza, Charles Fricks, da Cia Atores de Laura, em atuação impressionantemente intensa e humanizada, mostra-nos o quanto o homem comum pode ser dualista em suas ideias, contraditório em suas paixões, e de modo inapelável, mas não eterno, resistente ao diferente, simbolizado na figura de seu filho especial.”
Foto: Isabela Kassow Quatro anos depois, em 2011, do escritor catarinense Cristóvão Tezza ter lançado o seu premiadíssimo livro autobiográfico “O Filho Eterno”, a prestigiada Cia Atores de Laura, l…