aestranhamente.com
A primeira onça a gente nunca esquece
Ela me olha compenetrada, sentindo o odor de minha pele negra.