setimacena.com
Crítica: <i>Minha Vida de Abobrinha</i>, de Claude Barras
À primeira vista, Minha Vida de Abobrinha, longa de estreia do suíço Claude Barras, parece mais uma daquelas animações fofas e coloridas que chegam aos cinemas todos os anos. Mas uma espiada mais atenta ao pôster revela que, por trás daquelas figuras de stop-motion cheias de ternura e cabelos coloridos, há olhares tristes e profundos…