miojoindie.com.br
Resenha: “Arca”, Arca
A imprevisibilidade sempre foi a principal marca do trabalho de Alejandro Ghersi. Basta voltar os ouvidos para toda a sequência de obras produzidas pelo venezuelano nos últimos anos. Trabalhos como a sequência formada por Xen (2014) e Mutant (2015), mixtapes aos moldes da experimental &&&…