memoriadasgentes.ml
Abraço da Madeira 07 – De raparigas
Naquele tempo, era assim: criavam-se as raparigas para ficar em casa, ajudar a mãe, bordar o enxoval e esperar: «Maçã da macieira, não caia, nem apodreça, vai haver alguém que te mereça». Tudo era …