kooka.org
{#144.222}
Um dia escrevo para ti. Não hoje. Não ainda. Ainda é cedo. Mas um. E talvez me perguntes, novamente, se leio o que escrevo. E dir-te-ei que não, que não o faço logo, como já te disse. E tu vais-te …