kooka.org
{#página260}
“Tu és instável. Sempre foste.” Sim. Sempre fui. Sempre senti intensamente, o bom e o mau. Sei agora que, entre outras coisas, tudo isso tem um nome: Borderline. Ainda estou a digerir p…