jagostinho.com.br
VEM AÍ A LAVA JATO DA EDUCAÇÃO ? | Jota Agostinho
JOVEM PAN Vélez quer investigar corrupção e desvios no MEC Uma Operação "Lava Jato da Educação" pode ter início com indícios de corrupção e desvios de dinheiro público descobertos em investigação interna sobre atos de gestões anteriores no Ministério da Educação, afirmou nesta quinta-feira (14) o titular da pasta, Ricardo Vélez Rodríguez. Ele assumiu o cargo em janeiro, nomeado pelo presidente Jair Bolsonaro. A declaração foi feita durante a assinatura de protocolo de intenções com outros órgãos de governo que vão apurar esses supostos desvios. O evento teve presença dos ministros Sérgio Moro (Justiça), Wagner Rosário (Controladoria-Geral da União) e André Mendonça (Advocacia-Geral da União), além do diretor geral da Polícia Federal, Maurício Valeixo. Segundo o Ministério da Educação, Vélez apresentou exemplos "emblemáticos" de favorecimentos indevidos e desvios nos programas Universidade Para Todos (Prouni) e Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego