jagostinho.com.br
O CAÇULA | Jota Agostinho
VEJA.COM A carreira de Luís Cláudio da Silva, o caçula de Lula Ex-auxiliar de preparador físico, ele disse em depoimento à PF que recebeu 2,4 milhões de reais de uma empresa de lobby por projetos lastreados em um conhecimento que, para os investigadores, demonstrou não ter Luís Cláudio da Silva: a bolada foi pagamento por "pesquisas, avaliações e elaboração propriamente dita" de trabalhos sobre a Copa e a Olimpíada(Reginaldo Castro/Lancepress/VEJA) Os policiais ele não convenceu. Na quarta-feira passada, Luís Cláudio Lula da Silva, filho caçula do ex-presidente Lula, entrou acompanhado de quatro advogados na Superintendência da Polícia Federal, em Brasília. Das 3 e meia da tarde às 7 e meia da noite, ele se empenhou em convencer o delegado Marlon Cajado, responsável pela Operação Zelotes, de que os 2,4 milhões de reais que recebeu entre 2014 e 2015 do escritório de lobby Marcondes & Mautoni eram referentes a pagamento por "trabalhos prestados" por sua empresa