hiacademia.com.br
Aeróbico ou musculação: como definir o que é melhor para meu objetivo
Focar no treino aeróbico ou pegar pesado na musculação? Posso fazer os dois ao mesmo tempo? Qual deles eu devo priorizar? Quem nunca teve alguma dessas dúvidas que levante a mão agora. Brincadeiras à parte, estas são questões que causam muita confusão na cabeça de quem começa a treinar. As dúvidas sobre as diferenças entre estes dois tipos de treino são muito mais comuns do que você pensa. Eles podem ser combinados ou feitos com intensidades diferentes, tudo depende dos objetivos que você deseja atingir. Entenda mais: Aeróbico X Musculação: Principais diferenças Diferenciar a musculação dos exercícios aeróbicos pode ser visualmente fácil. Afinal, basta visualizarmos a área das máquinas de uma academia e compará-lo com o setor das esteiras, por exemplo. Porém, as diferenças vão muito além do visual. Cada um destes treinos atua e tem resultados completamente diferentes. Por isso, é importante conhecer e entender a definição de cada um. Aeróbicos: Correr, caminhar, dançar e pular são alguns exemplos de atividades que trabalham a nossa resistência, capacidade respiratória e são eficientes na queima de gordura. Os exercícios aeróbicos usam do oxigênio para gerar energia para os músculos. Estas atividades são longas, contínuas e trabalham muitos grupos musculares ao mesmo tempo. Além disso, a prática regular ajuda a prevenir doenças cardiovasculares, além de garantir uma melhor qualidade de vida. Musculação: Um dos exercícios de resistência mais populares, este tipo de treino ajuda no aumento da massa muscular, na redução de gordura, na melhora da postura e do condicionamento físico. Ao contrário do treino aeróbico, os exercícios são curtos e de movimentos repetidos, que ajudam a garantir o desenvolvimento dos músculos. Qual o melhor treino para os meus objetivos? No ambiente da academia podemos dividir as pessoas em grupos com diferentes objetivos, sendo os que querem emagrecer e os que desejam ganhar músculos os principais. De um lado temos aqueles que querem perder as gordurinhas indesejadas e chegar ao peso ideal. Do outro estão os que querem aumentar a massa muscular e alcançar a hipertrofia. Esta divisão não é para rotular ninguém, mas sim porque é importante no aspecto da definição dos objetivos de cada um. Quando você começa a treinar é fundamental que você tenha em mente o que deseja alcançar. Esta definição vai ajudar a estabelecer o melhor tipo de treino para que você chegue aos resultados desejados. Durante muito tempo, a regra geral era: musculação para os que querem massa e aeróbico aos que desejam emagrecer. Esta ideia ficou no passado. Cada vez mais, os estudos mostram que os dois tipos de treino feitos de maneiras complementares garantem resultados muito positivos. Ou seja, queira você ganhar músculos ou perder as gordurinhas extras, o ideal é combinar as duas atividades. É provável que agora você esteja se perguntando como é então, que vai definir o treino ideal para você. Para conseguir esta resposta, é muito importante que você conte com a ajuda de um treinador e com as orientações que ele tem para oferecer. Baseado na sua avaliação física, no teste de resistência e outros resultados, o profissional conseguirá definir o tipo de treino que você deve priorizar o tempo ideal de cada atividade e quando deverá traçar novos objetivos. A orientação do treinador é primordial, seja você um frequentador experiente da academia ou iniciante neste universo. Não hesite em tirar dúvidas, marcar avaliações e consultá-lo para orientar o seu treino sempre que necessário. E você? Como tem sido a divisão de seus treinos na academia? Conte para gente como tem sido esta experiência!