desacato.info
Acorda, amor!
Por Gustavo Alonso. Chico, Caetano, Roberto e companhia defendem o patrimonialismo da memória. Não querem mais ser artistas do Brasil. Contentam-se em ser propriedade exclusiva de poucos parentes e…