consciencia.net
Se é público, é para todos. Golpe faz de direitos, mercadorias
Por Emir Sader Um Estado democrático tem de garantir direitos para todos. O governo golpista repele o que tem a ver com o público. Em sua concepção não há direito. Tudo é mercadoria, tem preço, se vende, se compra Com esse lema, a Federação Nacional das Associações do Pessoal da Caixa Econômica Federal (Fenae), com(...)