consciencia.net
RJ: Recruta que estava sendo treinado para atuar em UPPs é morto após seção de maus-tratos
No Rio de Janeiro, um recruta de 27 anos teve sua morte cerebral diagnosticada após participar, segundo a família, de um trote violento que deixou pelo menos outros 30 outros policiais com queimaduras, convulsões e desmaios.