cinematecando.com.br
Crítica: Dor e Glória | Cinematecando
Antonio Banderas vive um cineasta em crise que passa a acertar contas com o passado, em filme altamente confessional de Pedro Almodóvar