adufe.net
E o prémio para o post mais desonesto do mês vai para…
António Dornelas n’O Canhoto em "Quatro vezes “NÃO!”" Eu diria que assim, quatro mil vezes NÃO. Por um lado manipulam-se grosseiramente as estatísticas ofi…