treino maromba

Jejum Intermitente

O jejum intermitente é uma estratégia de dieta na qual não funciona para todos, isso não quer dizer que ela não seja boa, ela deve ser avaliada de acordo com a sua rotina de vida, é uma dieta de emagrecimento, no qual não há perca de massa muscular. 

  • O que é:

Ela é uma dieta na qual é repartida pelo 16/8, ou seja, ao todo são 16 horas de jejum, e 8 horas de alimentação, os horários são estabelecidos pela própria pessoa, onde geralmente, grande parte das 16 horas são contadas com as horas de sono. Nessas 8 horas de alimentação, abre-se uma “janela” em seu organismo, onde você realiza suas refeições diárias normalmente, após as 8 horas, fecha-se a “janela” e inicia um novo jejum. 

  • Benefícios:
Jejuar desencadeia um processo fisiológico chamado de Autofagia, no qual é um processo que ajuda na homeostase (equilíbrio e conservação) da massa magra, e também um mecanismo primário do processo anti envelhecimento do nosso corpo. Ele é um processo catabólico celular, que dá origem à degradação de componentes da própria célula utilizando os linfomas, é um processo extremamente regulado que desempenha uma função normal ao crescimento celular, diferente da homeostase, na qual ajuda a manter um equilíbrio entre a síntese, a degradação e o reciclado dos produtos celulares. Consiste num dos principais mecanismos por meio dos quais uma célula, em estado de desnutrição, redistribui os nutrientes dos processos menos necessários aos essenciais.
Além do jejum reduzir os danos dos radicais livres, inflamações, aumenta e melhora a sensibilidade de insulina, normaliza os níveis da grelina (hormônio da fome) e melhora a secreção do hormônio do crescimento (GH).


((Existem prós e contra dessa dieta, TODA dieta deve ser orientada sob prescrição de um nutricionista para que assim, você consiga analisar o que é melhor para sua rotina de treino e alimentação))