to rindo socorro

♡ happiness ♡

@bcu-jaehyun

Assim que ouviu sobre o passeio que ocorreria na universidade, Eunji ficou ansiosa instantaneamente. Parecia que iria ser bem mais divertido que a festa, e ela tinha certeza de que não se sentiria deslocada como havia acontecido antes. Haviam várias partes interessantes sobre tudo aquilo, mas uma das partes que estava mais animada era a de dar um passeio no parque. Gostava de sentir o vento batendo em seu rosto, além das várias coisas lindas e novas - já que nunca havia frequentado o local - que teria para observar. Teve que se controlar para não surtar demais quando estavam se preparando para ir, e teve que se controlar mais ainda durante o passeio. Qualquer um, até mesmo de longe, conseguiria ver sua animação, e ela obviamente teria que compartilhar isso com alguém. Foi aí que avistou Jaehyun no meio da multidão de alunos, rapidamente correndo para chegar até ele. Com o seu amor incontrolável por skinship, lhe deu um abraço por trás antes que pudesse pensar sobre a situação. — Jaehyun-ah!!! Como você está? Você não acha que esse lugar é maravilhoso? Ai, estou tão animada. Quer conversar sobre isso? Sei lá, você parecia tão quieto. Eu estou falando demais? Ok, me desculpa. — Falou tudo isso em uma velocidade absurda, enquanto sorria de orelha à orelha e dava pequenos pulinhos animados.

Capitulo 49

Angelis:Clarinha,que mundo pequeno hein.(sorrindo)


Clara:Oi Angelis…(a cumprimentando)….tá fazendo o que aqui?


Angelis:Ah o meu irmão pediu pra eu fazer um contrato para a DJ assinar eu vim trazer.(sorrindo)


Clara:Bom a DJ,suponho,que seja eu rsrsrs e o seu irmão é o Yan?


Angelis:Sim meu irmão mais novo e meu sócio.(rindo)


Clara:Nossa que mundo pequeno, literalmente.(rindo)


Angelis:Eu não sabia que você era DJ.


Clara:Não sou, quer dizer agora sou, profissionalmente é a primeira vez, e por pressão do seu irmão.


Angelis: Eu me envolvo bem pouco com isso, Yan sabe o que faz,e nesse caso foi uma ótima escolha,


Clara:Ér..então eu preciso assinar antes que a casa abra.


Fiquei surpresa com o fato da Angelis ser sócia e irmã do Yan,até que não achei ruim afinal eu já a conhecia, por outro lado será difícil explicar isso pra Vanessa sem que ela fique puta,fui assinar o tal contrato e vi ela se aproximando e tomando o papel da minha mão.


Clara:O que foi?


Angelis:Já ouviu falar que não se pode assinar nada sem ler?


Clara:ah mas você fez o contrato e você é minha advogada é automático ter uma confiança em você.


Angelis:Fico feliz em saber Clarinha.(sorrindo largo)


Ela ficou muito feliz com o que eu disse, até estranhei mas o que me incomodou mais foi o fato dela ter me chamado de Clarinha, fechei a cara na hora, afinal só a Vanessa me chamava assim e só nela fazia efeito sobre mim u.u,ela percebeu me incomodo e logo deu um jeito de concertar.


Angelis:Èr…(sem graça)…aqui os papeeis se inverteu, você trabalha pra mim,então eu acho que você devia dar uma lida.


Clara:Então vai ter que ficar pra depois, porque a casa já vai abrir.(apontando pro relógio)


Angelis:Ih,é verdade, então eu vou deixar aqui e você assina quando puder, depois volto aqui.


Clara:Tá bom então, assim que eu tiver uma pausa eu assino.(voltando sua atenção para a aparelhagem)


Angelis:Ok,vou lá atrás do Yan então, boa sorte Clara.(sorrindo)


Clara:Obrigada.(sorrindo)


Terminei de arrumar tudo e agora era só esperar a casa abrir,e não demorou muito, comecei a tocar e estava um pouco nervosa, mas não como da outra vez, estava mais insegura na verdade e ainda mais que a Van não estava do meu lado, quase meia hora tocando e até aqui estava dando tudo certo.


(Na pista)


Lu:Nossa quanta mulher gata.(sorrindo)


May:Tá cheio aqui né?


Lu:Cheio de mulher gata…(olhando em volta)…vou buscar uma bebida pra aquecer, quer?


May:Não,eu vou lá em cima ver a Clarete,e depois eu desço,Lu por favor…


Lu:Já sei May…(revirando os olhos)…Agora deixa de ser velha.


Estava tudo saindo bem,na pista todos pareciam estar gostando e animados,fui ficando mais tranquila,dei uma pausa e fui ler os tais papeis,quer dizer fingir né?! Só dei uma lida por cima,e não entendi nada,voltei a tocar e vi Angelis entrando na cabine.


Angelis:Menina você é boa nisso!(sorrindo)


Clara:Oi???(tirando os fones)desculpa não ouvi.


Angelis:Eu estava dizendo o quão boa você é nisso.


Clara:Ah,obrigada!(sorrindo)


Angelis:Bom,eu vim trazer uma bebida pra você.


Clara:Ér…obrigada,eu já ia descer lá pra pegar mesmo.(sorrindo)


Angelis:Cadê a Vanessa?não quis vir?


Clara:Ela não pode vir,ficou com Max pra eu conseguir estar aqui.


Angelis:Max?ele está com você?(estranhando)


Clara:Está sim o Fabian trouxe ele hoje.


Angelis:Hmm…


May:Loira?


Clara:Oi amor…(a abraçando)….como prometido.


May:Não ia deixar minha loirinha só.(olhando para Angelis)…Oi.


Angelis:Oi Mayra,bom eu vou deixar vocês ai e depois eu volto.(saindo) com licença.


May:Urh,não gosto dessa guria.(u.u)


Clara:Vai dar uma de Vanessa agora?(rindo)


May:Nem vou,mais e ai tá muito foda esse teu set hein.


Clara:Valeu May.

Fiquei conversando com a Mayra mais bem pouco,logo voltei a tocar e ela desceu para o bar,depois o Ray foi lá falar comigo e depois alguns garçons me trazendo bebida que pessoas da pista mandavam pra mim hahahaha #VanessaPira.


(na pista)


Lu:May…(empolgada)


May:Que foi?que empolgação toda é essa?(rindo)


Lu:Tá vendo aquela menina ali?(apontando)


May:A loira? (Luana assentiu) o que tem?


Lu:O que achou dela?


May:Ah,é bem bonita


Lu:Bonita é pouco ela é gatissima,então,fiquei com ela.(sorrindo largo)


May:mas já?rápida hein irmã.


Lu:Alguém tem que ser né?pra não envergonhar a família.(rindo)então tá vendo a morena do lado dela?


May:Ela parece a…


Lu:Nem termina Mayra.(revirando os olhos) então ela ta de olho em você.


May:Tá nada,como você sabe?


Lu:Porque a menina que eu fiquei é irmã dela,enfim,porque não vai falar com ela?


May:porque quem tá interessada em mim é ela não eu,e não to com cabeça pra isso.


Lu:Ué e não era você que iria sair pegando todas hoje?(arqueando as sobrancelhas)


May:Tá Lu mas não to com vontade.(bebendo)


Lu:Então fica ai fazendo a linha apaixonada,porque o que você quer acabou de chegar…(apontando pra porta) e acompanhada.


(Mayra narrando)


Era incrível como eu ficava quando a via,meu coração disparou quando a vi chegar,mas logo apertou quando vi Ray de mãos dadas com ela,mas nada me impediu de ficar feliz em vê-la,depois de quase uma semana sem falar com ela,ai que ódio do meu coração por ser fraco.


Ray:Vou ali falar com meus amigos,já volto!


Thais:Não quer que eu vá?


Ray:não é isso pequena,só não acho que você gostaria ou se encaixaria no assunto.


Thais:Então tá pode ir,vou ali no bar.(lhe dando um selinho)


(no bar)


Thais:Oi sumida.(sorrindo)


May:Oi Thata,tudo bem?


Thais:Tudo sim,porque sumiu hein?te chamei no what’s varias vezes e nada.


May:Ér…eu tive um problema com o what’s.


Na verdade eu só havia tirado o relógio já para não correr o risco de ter que falar cm ela,vejam bem a ideia inicial era ignora-la estava dando certo,mas tudo foi em vão quando ela sentou ao meu lado naquele bar.e.e


Thais:Entendi,nem foi mais na empresa falar comigo.(fazendo bico)


May:Own que fofa…(sorrindo largo)…eu não pude ir lá,eu estava ajudando a Lu arruma faculdade.


Thais:Conseguiu?


May:Sim,ela começa segunda já,graças ao bom Deus.


Thais:O Ray me disse que ela vai estagiar lá,ela vai ficar como minha assistente.


May:Sério,que legal,então vai ficar nas mãos da melhor pessoa.


Thais:Tá aqui sozinha?


May:Eu vim com a Lu,mas ela tá sei lá onde.(rindo) veio com o Ray né?(sorrindo forçado)


Thais:Sim ele foi ali falar com alguns amigos dele.


May:Hmm,não quis ir?


Thais:Não,nada de grude né?!(rindo)


May:Humm.


Thais:Ai May,tenho que te contar uma coisa.(sorrindo)


May:O que?


Maldita,maldita hora que fui tocar no assunto Ray,Mayra será que você não podia ficar só conversando e curtindo a presença dela ali?não né! Ohhh língua que não para dentro da boca e.e


Thais:Estamos namorando.(sorrindo largo)


May:Como assim?(em choque)


Thais:Pois é faz uns três dias que ele pediu e eu aceitei,May você não tem noção da química que temos.(sorrindo)


May:Parabéns Thata,fico feliz por você.(sorrindo fraco)


Thais:Fica mesmo?não tá parecendo May,aconteceu alguma coisa?


May:Não,nenhuma.(se levantando)Na verdade eu estou ótima,felicidades para vocês,agora me dá licença que vou ali falar com uma pessoa.(irritada)


Sai daquele bar puta, comigo mesmo pela minha falta de coragem,do Ray por ter nascido,de quem escreve a fic que não tem dó de mim,da Thais por ter aparecido na minha vida,enfim de tudo.


 Assim que cheguei na pista fui atrás a menina que a Luana havia falado,nem perguntei o nome da menina,e nem quis muito papo,a agarrei que de inicio se assustou mas logo correspondeu ao beijo,mas sabe quando você não sente nada?foi isso que aconteceu,a menina era linda,tinha uma pegada legal,mas não senti nada,ódio.


(Na casa de Vanessa)


Van:Max,vem aqui.(correndo atrás dele)


Sol:Que foi filha?(o pegando no colo)


Van:Fui dar banho nele mãe,mas ele é ligado no 220.(respirando acelerado)


Sol:hahaha filha essa fralda está ao contrário.(rindo)


Van:Ah mãe,socorro,quando a Clara faz parece tão fácil.


Sol:Filha,você logo aprende,vem!


(na boate)


May:Que droga?(entrando na cabine)


Clara:(tirando os fones) que foi mulher?


May:Eu que virei uma idiota Clara.(irritada)


Clara:O que aconteceu May?(estranhando)


May:Olha lá.(apontando pra baixo)Isso aconteceu Clara.


Clara:Ah May,ela não tem culpa,você não fala pra ela fica ai se martirizando.


May:E do que adianta eu falar?aliás,ainda bem que eu não falei né?se não estaria pior que agora.


Clara:Bom…(a abraçando meio de lado)…então aguenta! (colocando os fones)


Dei um perdido na garota que havia ficado e fui me esconder na cabine da onde estava Clara,outra péssima ideia,lá de cima eu tinhaa visão de toda pista e meus olhos logo encontraram os dois aos beijo,decidi descer novamente para lá e a garota com quem fiquei logo me avistou.


Vinha sorrindo em minha direção,fingi que não vi e fui para o banheiro e não é que ela veio atrás (¬¬) mas essa agora,entrou lá já me agarrando,mas eu não estava com a mínima vontade e logo lhe dei um fora,achei Luana sentada no bar.


May:Vamos Luana tá na hora.


Lu:Onde você estava?que beijo foi aquele,ai sim hein mana,honrou o sangue Gomes.(rindo)


May:Lu,é sério vamos!


Lu:Que foi não gostou da garota?


May:Não,agora será que podemos ir?(olhando para RayThai)


(na cabine)


(No celular)


Clara:Amor,nossa musica,da pra ouvir?


Van:dá amor.(soltando um risinho)


(Clara narrando)


Van e eu tínhamos uma musica como todo casal,resolvi coloca-la em meu set para me lembrar dela e para homenagiar o nosso amor,pode chamar de gay que não ligo.(u.u)


(May narrando)


Eu só queria sair daquela boate o quanto antes,tocava tempos modernos e foi uma tortura a ver ali dançando colada com ele,dei graças quando Clara trocou a musica para algo mais badalado.


May:Chega Luana,vamos!(tomando seu copo)


Lu:Putz,é TNT minha música,preciso dançar é um hino.


May:Luana a gente vai embora!


Lu:Qual foi May se diverte,olha o tanto de mulher gata mano,e homens também,vai pegar alguém sei lá,sai da fossa mulher.


May:Você tá bêbada já e essa balada aqui já deu.


 Lu:Sabe porque você tá ai sofrendo de paixonite?porque você foi lenta.


May:Eu sei,já sei,podemos ir?


Lu:Se você não tomou uma atitude outro tomou por você.


May:Thais,ela tá vivendo o mundo dela,ela é hetero,portanto acabou a história, e vamos embora.


Lu:Quer ver como ela não é tão hetero assim?(se levantando irritada)


May:Pera ai o que você vai fazer?….Luana volta aqui!(desesperada)


                 =====Twitter:@ShowyourMiley======