tmb*

5

☞ THE MAGIC BEGINS II // SADDEST SCENE: (THE AFTERMATH OF) CEDRIC’S DEATH

“Let me though,” an urgent voice appeared from the crowd. “Let me though!” It was Amos Diggory who had, but minutes ago, been cheering with unparalleled joy that his only son had won the Triwizard Tournament. Now, he lay defeated as the crowds part and the lifeless body of his pride and joy was made clear. “That’s my son! That’s my boy! My boy!,” he cried out. “No. No. NO!”

E ai estava eu tentando mostrar minhas habilidades patinando no Central Park, obviamente eu caí e trombei nele. Pensei que finalmente arrumaria minha cara metade, ele me ajudaria a levantar e perguntaria se estava bem e qual meu nome, sabe… essas coisas, só que ao invés disso ele simplesmente disse “ei garota, olha por onde anda”. Tão estúpido, mas tão lindo o rosto. Toda minha história de romance foi por água abaixo. Tinha tudo tão planejado…. dammit. Parecia um filme do Nolan, sacas? Eu jurava de pé junto que aquilo aconteceria, mas foi mais uma ilusão e acontece de uma forma totalmente inusitada e diferente.

2

☞ THE MAGIC BEGINS II // FAVOURITE SCENE: FIRST GLIMPSE OF HOGWARTS

It’s beautiful, isn’t it? I’ll never forget the first time I walked through those doors.