tinta na pele

... e se por acaso a terra pensar em rachar eu vou lá e costuro de volta

você assoprou como quem podia me tirar do buraco, num hálito quente emaranhado de carinho. e eu sorri, dear. mesmo sabendo que nem sempre dá, quando já se é tarde e o tom escuro da noite entranhada nas vísceras vem vindo e tampando o azul manchado em tinta na pele, feito maré alta levando barcos
mas talvez
eu enxergue estrelas, ainda que em holograma da retina pra dentro. e eu sei que tudo bem se desarmar do colete à prova de balas e mágoas as vezes, e deixar o afeto afetar.

A loira estava no anto da festa, sozinha por um momento, estava esperando Cordy usar o banheiro. Sky estava com uma taça de champanhe meio cheia em suas mãos enquanto observava de longe a festa acontecendo. Tanta gente chique com roupas glamourosas e com os cartões cheios de dinheiro… A artista se perguntava muitas vezes como seria ser podre de rica. Ela tinha uma boa estabilidade financeira, um trabalho que pagava bem, uma casa razoável com um gasto considerável de se aguentar, mas sempre sobrava uma graninha no fim do mês para poder fazer qualquer coisa que quisesse ou comprar alguma porcariazinha que estava querendo por puro desejo de ter. Naquele mês mais quadros seus foram vendidos, então com uma comissão um pouco maior, pode contratar Cordy para acompanha-la naquela noite para que não se sentisse deslocada no ambiente chique. Ela sabia que nunca se encaixaria entre os ricos, era estranha demais para isso. Sempre com manchas de tinta na pele e nas roupas simples compradas em grandes lojas populas em Nova Iorque, nunca tivera roupas de marca e também não ansiava tê-las - para quê? para estragá-las com tinta? - e muito menos se imaginava sozinha em uma enorme mansão. Gostava do seu cantinho, tinha cheiro de tinta e rosas. Estava tão distraída que mal notou que alguém estava tentando falar com ela, quase tomou um susto de primeiro, mas se acalmou a notar que se tratava de Eric. O homem já tnha sido gentil com ela nos dias que se seguiram do desastre da boate, talvez ele só quisesse conversar um pouco, jogar papo fora… Sabia que muitas pessoas sofriam de ansiedade em eventos como aqueles - Eric… É bom vê-lo por aqui. Está bonito - elogiou-o sincera com um sorriso um pouco mais solto e relaxado em seus lábios.

@ericxorleans