terra adorada

Esquecer-te?

Esquecer-te? Se sonhar à noite e contemplar-te durante o dia;
Se toda a louca e profunda devoção que o coração do poeta dedicaria;
Se as preces ditas em teu favor ao poder que o Céu tem de proteger;
Se pensamentos alados a mil por hora que a ti vão ver;
Se devaneios te misturam ao que está por vir na minha vida…
Se isto chamas de esquecimento, tu, de fato, serás esquecida!

Esquecer-te? Que os pássaros da floresta esqueçam sua doce melodia;
Esquecer-te? Que o mar, sob a lua, esqueça das ondas a sincronia;
Que as flores sedentas se esqueçam de beber o orvalho refrescante;
Tu mesmo te esqueças de tua terra adorada, e seus montes deslumbrantes.
Esqueces cada rosto, velho conhecido, cada ocasião tão querida…
Quando estas coisas forem por ti abandonadas, tu serás esquecidas!

Guardas, se quiseres, tua paz virgem, sempre calma e despreocupada,
Não permita Deus que tua alma feliz por minha causa se veja desolada;
No entanto, enquanto essa alma é livre, ah! que a minha não saia a vagar.
E, sim, que alimente a fé humilde e a capacidade tolerante de amar;
Se estas, por anos resguardadas, no fim não me tiverem valia…
Então me esqueças; mas não acrediteis jamais que tu podes ser esquecida!

John Moultrie

Ah, a primavera! Quando no mundo dos contos de fadas, era possível aproveitar o ar morno e ter o perfume das flores quando bem entendesse: um feitiço engarrafado e pronto, todo o ambiente mudava ao seu redor. Mas Fabletown, meus amigos, é um tanto quanto diferente da terra natal de nossas adoradas Fábulas. O tempo é decidido por fatores incontroláveis, algo muito além da compreensão dos seres mágicos que habitam este território. Ao longo dos anos, foram obrigados a se acostumar com as mudanças de estações sem ter como amenizá-las com magia, incapaz de ser utilizada fora do santuário montado dentro do bairro — e magia não seria desperdiçada com questões fúteis. Finalmente, as flores começaram a aparecer e os agasalhos pesados foram substituídos por mangas mais curtas e tecidos mais leves. O festival da primavera, comemorando o início da estação e também os últimos dias das Fábulas antes de suas férias na terra de onde vieram, foca na comunidade. Há música, comida, arte e muito mais esse ano!

Shows ao vivo na praça principal em frente à prefeitura, galerias de arte com entrada franca, barraquinhas de comida e vendedores de rua com artesanato e outras bugigangas encantadoras como oferta estão apenas buscando trazer risadas, boas vibrações e diversão antes do verão! A maioria das festividades irá tomar como cenário a praça principal de Fabletown, mas nunca se sabe o que os vendedores em vielas e becos mais escuros podem esconder para esse período interessante. O festival de primavera terminará na praça principal também, onde haverá um show de fogos de artifício.

Informações adicionais serão listadas abaixo do Read More. O evento irá começar no dia 22 de março (quarta-feira), às 18:50 (HOJE!) e terminará em 29 de março (quarta-feira) no mesmo horário!

Keep reading