skins playlist

cold hands, warm heart: listen here

for those who love mysteries so much, they become one

   1. seventeen- sky ferreira. 2. vagabond- misterwives. 3. r u mine? arctic monkeys. 4. breezeblocks- alt-j. 5. you are a runner and i am my father’s son- wolf parade. 6. walk of shame- p!nk. 7. ain’t no rest for the wicked- cage the elephant. 8. arabella- arctic monkeys. 9. you, my everything- ellie goulding. 10. i blame myself- sky ferreira. 11. radioactive- marina and the diamonds.

A mix for the queen of the witches. For a girl who chants and charms, who sings to the spirits under the full moon. For a girl born to fight and to rule. (LISTEN)

01. Me and The Devil - Soap & Skin // 02. Marked Man - Mieka Pauley // 03. Dead Inside - Foreign Slippers // 04. Flickers - Son Lux // 05. If I Had A Heart - Fever Ray // 06. Blood On My Hands - Danielle Parente // 07. Night - Zola Jesus // 08. Twenty Seven - MS MR // 09. Buried In Water - Dead Man’s Bones // 10. House of the Rising Sun - Lauren O’Connell // 11. I Put A Spell On You (Cover) - She & Him // 12. Black Water - Timber Timbre // 13. Girl With One Eye (Bayou Percussion) - Florence and The Machine // 14. Bottom of the River - Delta Rae // 15. Everybody Wants to Rule the World - Lorde // 16. Apply - Glasser // 17. Empire - Alpines // 18. I Will Never Die - Delta Rae

you made me go mad.everyone wishes their life was a skins episode [listen] 

01. witness- roots manuva 02. the bug (ft. warrior queen)- poison dart // 03. clutch- fat segal // 04. xtatic truth- crystal fighters // 05. antichrist- owl vision // 06. love- daughter // 07. skins theme tune- fat segal // 08. dart for my sweetheart- archie bronson outfit // 09. wild world- skins version // 10. as serious as your life- four tet  

note: cover imagine not mine 

SKINS + INBETWEENERS ; Every time. Every fucking time. ‘Buy three ounces of weed, Sidney.’ 'Oh yes, sir.’ 'Shove a bag of pills up your ass, Sidney.’ 'Oh right away.’ 'Come help me save some random chick.’ 'Oh could I?’ What have we learned, Sidney? Your friends are shitheads. {listen}

i. skins theme - fat segal | ii. positive tension - bloc party | iii. no you girls - franz ferdinand | iv. totally wired - the fall | v. metabolism - the strokes | vi. chelsea dagger - the fratellis | vii. no pun intended - the hives | viii. fluorescent adolescent - arctic monkeys | ix. girls and boys in love -the rumble strips | x. hell is round the corner - tricky | xi. weight of love - the black keys | xii. fury - muse | xiii. it’s all over - the broken family band | xiv. wild world - skins soundtrack 

Effy Stonem Playlist

  • I’m A Ruin//Marina and The Diamonds

“I’ve had my share of beautiful men,

But I’m still young and I want to love again.

It’s difficult to say goodbye,

And easier to live a lover’s lie.”

  • U.R.A. Fever//The Kills

“Go ahead and have her, go ahead and leave her,

You only ever had her when you were a fever.

I am a fever, I am a fever, I ain’t born typical.”

  • This House Is A Circus//Arctic Monkeys

“This house is a circus, berserk as fuck.

We tend to see that as a perk, though,

Look what it’s done to your friends, their memories are pretend,

And the last thing that they want is for this feeling to end.”

  • Ribs//Lorde

“The drink you spilt all over me,

Lover’s Spit left on repeat,

My mum and dad let me stay home,

It drives you crazy getting old.”

  • Stuck On You//Paramore

“You’re everywhere inside my room.

Even when I’m alone, I hear your mellow drone,

You’re everywhere inside of me.

Stuck on you, ‘til the end of time,

I’m too tired to fight your rhyme.”

  • My Number//Tegan and Sara

“He grabs me by the hand, drags me to the shore, and says,

'Maybe you don’t love me, but you’ll grow to love me even more,’ and I, I’m not surprised.

If I gave you my number, would it still be the same, if I saved you from drowning?

Promise me you’ll never go away.

Promise me you’ll always stay.”

  • Brother//Gerard Way

“And brother, if you have the chance to pick me up,

Can I sleep on your couch, to the pound of the aching pain, oh, in my head?

'Cause I’m awake, all night long, I hear the drums of the city rain.”

Me & The Devil [listen]
↳ an Olgierd von Everec / Gaunter O'Dimm mix
I. Me And The Devil - Soap&Skin [Me and the devil, walking side by side] // II. You’re… Immortal - The Witcher 3: Hearts of Stone [Szła dziewczyna w odzieży siermiężnej. Napotkał ją Swarożyc potężny] // III. Change Me - Sun Glitters [Change me] // IV. Devil Take You - Zola Jesus [Who put the devil in you?]  // V. Hell Arrives - Blue Stahli // VI. Ring Around the Rosie - Dead Space 2 [Ashes! Ashes! We all fall down] // VII. Gaunter O'Dimm Theme - The Witcher 3: Hearts of Stone [His smile fair as spring, as towards him he draws you] // VII. Shake It Out - Florence and the Machine [And it’s hard to dance with a devil on your back, so shake him off!]

i want to feel something. / an 8tracks mix / listen here

01. Why’d You Only Call Me When You’re High Arctic Monkeys / 02. Alright Supergrass / 03. Wild World Skins Cast / 04. Friday I’m in Love The Cure / 05. Skins Theme Tune Fat Segal / 06. Sweet Disposition The Temper Trap / 07. Tighten Up The Black Keys / 08. Lurk The Neighborhood / 09. Teenagers My Chemical Romance / 10. Wicked Games The Weeknd / 11. Dangerous Big Data / 12. Love Lockdown Kanye West / 13. Jesus Christ Brand New /

NOBODY BREAKS HER HEART: an effy stonem playlist. listen here. 

tracklist: 1. seventeen - sky ferreira. “you can see it in her eyes, she’s been up to something.” 2. she’s a riot - the jungle giants “always takes what she needs and leaves the rest behind.” 3. my medicine - the pretty reckless. “somebody mixed my medicine, i don’t know what i’m on.” 4. vagabond - misterwives. “pretending to not feel alone.” 5. sex - the 1975. “she’s got a boyfriend, anyways.” 6. walk of shame - p!nk “although my hair looks good because i haven’t slept yet.” 7. reptillia - the strokes. “the room is on fire and she’s fixing her hair” 8. you’ve got something - the jungle giants. “i’ll be taking the hearts that you’re breaking” 9. fluorescent adolescent - arctic monkeys. “you used to get it in your fishnets”. 10. you are a runner & i am my father’s son - wolf parade. “three fingers on your heart.” 11. breezeblocks - alt j. “she may contain the urge to run away.” 12. you, my everything - ellie goulding. “just as the dark was rising.” 13. i am a full grown man - phosphorecent. “i will lay in the grass all day.” 

SKINS GENERATION 1 ; Change. It’s a wonderful thing. Look, you know how subatomic particles don’t obey physical laws? They act according to chance, chaos, coincidence. They run into each other in the middle of the universe somewhere and bang! Energy! We’re the same as that. That’s the great thing about the universe: unpredictable. That’s why it’s so much fun. {listen}

i. drugs - ratatat | ii. mother & father - broods | iii. out of my league - fitz & the tantrums | iv. la la la - jasmine thompson | v. miserable without your love - lily allen | vi. not on drugs - tove lo | vii. break the rules - charli xcx | viii. to be alone - hozier | ix. love songs drug songs - x ambassadors | x. #icanteven - the neighbourhood | xi. bad habit - the kooks | xii. sunday bloody sunday - u2 | xiii. cigarette daydreams - cage the elephant | xiv. to sudden silence - m83 

8tracks.com
SKIN STARS and DINOSAURS
A playlist for your Tsukkiyama feels. It starts off with their angsty feelings and everything to falling in love to wanting to stay together. This happened to have more acoustic songs than I intended. Cover art is by the lovely @tsukki--daisuki

Tracklist:

1. Iris. Sleeping With Sirens

2.  Boats and Birds. Gregory and the Hawk.

3. Better Than I Know Myself (Acoustic). Adam Lambert

4.  Flaws (Acoustic). Bastile

5.  Kiss Me. Ed Sheeran

6. I Won’t Give Up. Jason Mraz

7. Stereo Hearts (Cover). Paradise Fears

8.  Never Gonna Let You Down. Colbie Calliat

9. While the World Let Go. A Rocket to the Moon

10. You Are In Love. Taylor Swift

11. Moon. Sleeping At Last

everybody loves me "Anger, Jealousy, Bitterness, Tiredness, Hope, Lust, Love. It’s everywhere. Its conceptual. You just can’t see it.“ listen

i. gasoline / halsey ii. art deco / lana del rey iii. mad world / twenty one pilots iv. dollhouse / melanie martinez v. numb / marina and the diamonds vi. strange love / halsey vii. adam’s song / blink 182 viii. teenage icon / the vaccines ix. girls like you / the naked and famous x. mad hatter / melanie martinez xi. carmen / lana del rey xii. future / paramore xiii. teen idle (acoustic) / marina and the diamonds

4

breathe out (so i can breathe you in) by @missing-headache

“I’ve missed you too, Hazza.”

Harry snorts. “Oh, we’re back to that now, are we?”

“It’s what this trip is about, isn’t it?” Niall asks, most definitely grinning against Harry’s skin. “Sentimentality.”

playlist on 8tracks

Montains by Message To BearsBig Black Car by Gregory Alan IsakovFoals by Spanish SaharaHere With Me by Susie Suh X Robot Koch • All There Is by Gregory Alan Isakov • Litost by X Ambassadors • Harbours by Edwin Raphael • Oceans by Seafret • Yours Alone by Ali Ingle • Little Hell by City And Colour • I Found by Amber Run • Smile by Mikky Ekko

sungmxns  asked:

kiss

— ( Kiss on the forehead: Parental/Familial love )

( FLASHBACK )

Erraria mil vezes e tentaria consertar seus erros mil e uma vezes, se possível, pois nada para ele era o bastante quando se tratava de seus amados. Depois de toda merda que fez seu melhor amigo passar durante toda a vida, Taehee não tinha palavras boas o suficiente que suprissem o excesso de sentimentos no momento. Tinha conseguido o que queria, sim, mas havia perdido algo tão precioso quanto; Sungmin não poderia ser comprado de volta, não era boneco para que ele substituísse por outro, tampouco lhe era um mero conhecido. Era muito mais do que isso envolvido. Juntos, passaram por uma sequência de maus momentos, mas conseguiram passar por cima de tudo por se entenderem. O carinho que Taehee tinha pelo outro era tão puro de um jeito, que quando voltou do evento desastroso, a primeira coisa que fez foi se jogar na cama de cara para o travesseiro. Se morresse sufocado já seria um problema a menos para o mundo, mas nem para isso ele servia. A passagem das lágrimas para o objeto afofado só causou desconforto quando sua face toda estava úmida. Um longo suspiro fora dado, colocando-se de bruços logo após tal ação, permitindo-se desabafar mais um pouco para que pudesse enxergar melhor a situação com clareza. Então era isso… Ele tinha afastado a única pessoa que poderia acalmá-lo em um momento como aquele… Ficou tão perdido e confuso em seu próprio e obscuro mundo, que mal pode pensar exatamente no que fazer depois daquilo. Era o pior sentimento; era como se tivesse arrancado uma parte da infância dele e jogado no rio para ser levado junto de Rika e todas as lembranças que o trio adquiriu no tempo de ouro. Nesse instante, Taehee apertou o travesseiro contra o peito, abafando o grito silencioso no tecido, pois dentro de seu quarto ele podia ser alguém, mas fora dali era outra totalmente diferente e transpareceria exatamente isso.

                                                                     [ … ]

Depois de tantos dias imerso em sua tristeza, o loiro deixou que os fios crescessem mais que o normal. Seu desleixo não só perpetuava nos fios, como também em sua aparência no geral; ele não estava se cuidando tão bem quanto antes, mas não estava tão ruim quanto imaginava. Na verdade, era apenas sua face pálida que entregava o tempo que havia passado sem ver o sol, sem contar no semblante fechado de alguém que nunca era visto sem um sorriso no rosto ou mesmo uma gargalhada alta e extasiante. A única coisa boa daquilo tudo havia sido a reestruturação de sua família novamente – no caso da mãe e ele mesmo –. O que mais o deixava triste era olhar para todos e sentir aquele vazio no peito, como se ainda faltasse alguma coisa; dessa mesma forma, as visitas para Miyeon eram constantes e ele tentava, de algum jeito, suprir aquela falta. Não era a mesma coisa, definitivamente não era. Ele a amava, sim, ninguém poderia negar isso se visse o jeito que ele interagia com ela, e até de certa forma ela foi a única a compreender seus trejeitos quando outros pareciam afastar-se para prevenir piores desgraças. Ela, no entanto, não era aquela à quem ele queria recorrer quando precisava de um conforto mais sereno; de um abraço mais calmo e aquelas palavras que sabia que fariam seu coração palpitar menos desesperadamente. No peito, este pulsava tão forte que um nó na garganta se formou imediatamente. A ardência nos olhos se fez ativa no mesmo segundo em que ele ergueu uma mão para segurar o tecido do moletom cinza, na altura de seu coração, como que em uma tentativa de aguentá-lo mais um pouco antes que explodisse de vez. Os lábios começaram a tremer e ele soltou todo o ar preso, fazendo a visão se embaçar logo e, assim, permitir que o líquido quente escorresse pela bochecha. Seu caminho se desviou; não iria para casa de forma alguma.

Passos apressados e desordenados o levaram até a frente da casa de Sugnmin. Tudo, extremamente tudo, passou por sua cabeça, mas só teve ação quando viu o dito cujo passar pela portinha da cerca, encarando-o com a mesma incredulidade do fatídico dia em que se distanciaram. Na lembrança, Taehee se perdeu, saindo de controle no mesmo instante; A mão livre subiu até os fios loiros e os afastou dos olhos – pois estavam excessivamente grandes para seu corte usual –, segurando com força no topo da cabeça. Entredentes ele despejou seu desespero com a mescla de tristeza, e caiu de joelhos no meio da rua. A mão oposta tornou-se vazia ao largar os livros no chão, levando esta ao rosto para esconder sua vergonha. Era a segunda vez que chorava assim na frente de alguém, orava para que não se tornasse costumeiro, pois agora havia transformado no próprio amigo ao se sensibilizar daquela forma. Ele, que era a pedra que sustentava aquele outro com tanta paciência, por mais que quebrasse-o certas vezes; sempre estaria lá para juntar as lascas outra vez. Mas não havia ninguém, naquele momento, que pudesse fazer aquilo por ele. O choro dele era tão alto que jogou o corpo para frente, apoiando-se de cotovelos enquanto sentia a cabeça latejar de tanta dor. Mianhaeyo, Sungmin-ah!” Finalmente disse, tossindo em seguida por mal conseguir respirar direito. Mianhaeyo, mianhaeyo…” Continuou repetindo mais baixinho dessa vez, mas teve seu tronco erguido pelo outro e não hesitou em apertá-lo contra si, fortemente. Respirava muito alto e descontroladamente, mas aos poucos a quentura foi se espalhando para seu corpo e era como se agora estivesse mais calmo. Mianhaeyo… Eu não queria esconder nada de você, juro por tudo o que tenho!” Que não era muito, mas que era o bastante para que o outro compreendesse do que ele falava. Sugou uma boa quantidade de ar e depois o soltou; fez esse processo umas três vezes antes de se pronunciar novamente. “Sou um péssimo amigo. Você sempre confiou tudo à mim e eu não pude nem ser o primeiro a te contar meus próprios problemas. Mas eu não estava preparado…” Se engasgou com as próprias palavras, o puxando mais firmemente pela lateral dos ombros quando seu contato quase se desfez dele. “Não estava pronto para compartilhar isso. Eu não posso ser sempre o Taehee sorridente que todo mundo espera de mim, ou o estúpido que querem que eu seja… Eu não consigo… sempre.” Fora interrompido no término de sua frase com um abraço alheio, o qual o fez paralisar e apenas retribuir na mesma intensidade. 

Do tempo que passaram para o tempo em que ele conseguiu respirar fundo sem vacilar, Taehee pode afastar o abraço para apenas para depositar um beijo breve, porém não menos firme, na testa do mais novo, rapidamente engolindo em seco e aprontando-o para mais um braço com braço, de modo que agora ele mesmo deslizava a mão pelas costas alheias, expondo carinho. “Você é a única pessoa que eu tenho, Sungmin-ah, não posso perder você, ani! Você também não!” Não teve cerimônias quanto a confessar aquilo, pois não havia outra forma de conseguir perdão se não se arrependesse de seus pecados, como a boa puritana o havia ensinado uma vez. “Por favor, eu prometo que não irei mais faltar com nada, nem esconder nada, só… por favor, não se afasta de mim de novo. Você é meu irmão, preciso que fique comigo sempre.”