ser outra

Como beber dessa bebida amarga
Tragar a dor, engolir a labuta
Mesmo calada a boca, resta o peito
Silêncio na cidade não se escuta
De que me vale ser filho da santa
Melhor seria ser filho da outra
Outra realidade menos morta
Tanta mentira, tanta força bruta

Como é difícil acordar calado
Se na calada da noite eu me dano
Quero lançar um grito desumano
Que é uma maneira de ser escutado
Esse silêncio todo me atordoa
Atordoado eu permaneço atento
Na arquibancada pra a qualquer momento
Ver emergir o monstro da lagoa

De muito gorda a porca já não anda
De muito usada a faca já não corta
Como é difícil, pai, abrir a porta
Essa palavra presa na garganta
Esse pileque homérico no mundo
De que adianta ter boa vontade
Mesmo calado o peito, resta a cuca
Dos bêbados do centro da cidade

Talvez o mundo não seja pequeno
Nem seja a vida um fato consumado
Quero inventar o meu próprio pecado
Quero morrer do meu próprio veneno
Quero perder de vez tua cabeça
Minha cabeça perder teu juízo
Quero cheirar fumaça de óleo diesel
Me embriagar até que alguém me esqueça

Pai, afasta de mim esse cálice
De vinho tinto de sangue.

—  Chico Buarque
Sempre tive medo de me entregar, porque uma hora sempre vão embora, como efeito dominó, uma após a outra. Confesso ser uma pessoa difícil de lidar, vivo de cara fechada, sou explosiva e meio que crio um certo tipo de barreira, mas sempre há alguém que se arrisca atravessar, na aventura do que pode encontrar. Sobre a minha vida amorosa não tenho muito o que contar, foi um desastre, literalmente. Me considerava intocável, impenetrável ou qualquer outro sinônimo que possa usar, não acreditava no desejo incontrolável de está apaixonada por alguém, ou até mesmo sentir a tristeza depois que ela se vai, daí algo mudou. Encontrei um pessoa, que fez meu coração acelerar e querer parar, tudo nele me encantava e isso me fazia se sentir apavorada. Pela primeira vez me senti nas mãos de alguém e céus, como essa sensação me deixava invulnerável. Era intrigante como aquele rapaz conseguiu romper toda a barreira, despertar um turbilhão de sentimentos, uns que eu costumava sentir e outros que jamais pensei que existia. Seria esse meu ponto fraco? Ele? O ápice do meu caos? Talvez. Como de costume, os dias vão se passando, o que era recente se tornou frequente, e o frequente se tornou ausente, o ausente não deixou de existir, eu o amo? Será meu primeiro amor? Tantas perguntas, e nenhuma resposta, por Deus, como eu queria ter certeza de tudo mas que graça teria uma vida perfeita, cheia de clichês e um amor fácil? Nenhuma né? Mudei, tudo é mais intenso e não consigo simplesmente deixar tudo para lá e viver como uma pessoa neutra, esse amor me consome e mesmo não podendo ficar com ele, ainda assim, o amo.
—  A Little Hope

você cai
e chora porque caiu
não entende as razões
se questiona e depois
deseja ser outra pessoa
isso se repete
muitas e muitas vezes
mas um dia qualquer
você percebe
que todas as suas quedas
só serviram para que hoje
você fosse exatamente quem é.
suportam.

Desculpa se não sou quem você espera. Eu tenho falhas e fico me criticando o tempo todo, me punindo, não me permitindo saborear pequenas doses de felicidade. Isso me bagunça, me agita e aterroriza. Sei que todo mundo tem seus demônios, mas ultimamente os meus andam me espetando a cada segundo. E isso tem me doído. Não entendo porque não consigo mais ser como as outras pessoas e desfrutar os pequenos momentos felizes. Não entendo porque agora tudo parece conturbado, distante, abstrato.
—  Clarissa Corrêa.
E ver você chegando na minha vida, me faz querer agradecer cada dia a Deus. Agora entendo o porquê esperar pelo tempo dEle é sempre o melhor.É amor, nosso Pai adora nos surpreender, pois nossa história é muito além do que pedia.Você veio para me ajudar a ser alguém melhor e em tão pouco tempo, já tem me ensinado tantas coisas.Presente de Deus, como admiro o homem valoroso que és.Não poderia ser outra pessoa, sei que o sentimento que temos um pelo outro, veio direto do Trono dEle para nossas vidas.É por isso que mesmo distantes, estamos perto.E aqui de longe, estarei pronta a cuidar de ti, te ajudar independente do momento, ser tua amiga, intercessora.Eu oro e creio que em breve poderemos nos ajoelhar juntos  e só de pensar, meus olhos enchem de alegria. Já pensou? Um ao lado do outro, agradecendo a Deus.
—  Presente de Deus…
Então, não perca seu tempo comigo. Eu não sou um corpo que você achou na noite. Eu não sou uma boca que precisa ser beijada por outra qualquer… Quando estiver comigo, seja toda você. Corpo e alma. Às vezes, mais alma. Às vezes, mais corpo. Mas, por favor, não me apareça pela metade.
—  Caio Fernando Abreu
Ela gosta mesmo é de quem tem um coração bonito, de quem não tem medo de ser quem realmente é, e de quem enxerga o amor nas sutilezas. Ela gosta de quem não tenta ser igual as outras pessoas. Gosta de quem é único.
—  sobre ela, de Sabrina Adriane
As pessoas estão tão deprimidas e se sentindo insuficientes por não saberem lidar com a solidão. A sua própria companhia precisa bastar. O seu amor próprio tem que ser maior que qualquer outro. Você tem que se dar bem com os seus próprios problemas, antes de encarar o caos de outra pessoa. E mesmo depois de conseguir tudo isso, não pode se esquecer de que você precisa ser auto suficiente. Antes de querer ser feliz com outra pessoa, é necessário que sejas feliz consigo mesmo.
—  Eternue.
Não perca o seu tempo comigo

Eu não sou um corpo que você achou na noite. Eu não sou uma boca que precisa ser beijada por outra qualquer. Eu não preciso do seu dinheiro. Muito menos do seu carro. Mas, talvez, eu precise dos seus braços fortes. Das suas mãos quentes. Do seu colo pra eu me deitar. Do seu conselho quando meu lado menina não souber o que fazer do meu futuro. Eu não vou te pedir nada. Não vou te cobrar aquilo que você não pode me dar. Mas uma coisa, eu exijo. Quando estiver comigo, seja todo você. Corpo e alma. Às vezes, mais alma. Às vezes, mais corpo. Mas, por favor, não me apareça pela metade. Não me venha com falsas promessas. Eu não me iludo com presentes caros. Não, eu não estou à venda. Eu não quero saber onde você mora. Desde que você saiba o caminho da minha casa. Eu não quero saber quanto você ganha. Quero saber se ganha o dia quando está comigo.

Pedro Bial.

Então, não perca seu tempo comigo. Eu não sou um corpo que você achou na noite, eu não sou uma boca que precisa ser beijada por outra qualquer. Eu não preciso do seu dinheiro, muito menos do seu carro. Mas, Talvez, eu precise dos teus braços fortes, das suas mãos quentes, do seu colo pra eu deitar, do seu conselho quando meu lado menina não souber o que fazer do meu futuro. Eu não vou te pedir nada. Nao vou te cobrar aquilo que você não pode me dar. Mas uma coisa, eu exijo. Quando estiver comigo seja todo você. Corpo e Alma. As vezes, mais alma. Ás vezes, mais corpo. Mas, por favor, não me apareça pela metade. Não me venha com falsas promessas. Eu não me iludo com presentes caros. Não, eu não estou á venda. Eu não quero saber onde você mora. Desde que você saiba o caminho da minha casa. Eu não quero saber quanto você ganha, quero saber se ganha o dia quando está comigo..
—  Juliana Macêdo 

Eu nunca fui grande coisa, vivia trancada no meu quarto, escrevendo, desenhando e me convencendo de que era melhor estar sozinha. Eu no fundo sabia que não era, mas não saber ser de outra maneira. Eu falhei todas as vezes em que tentei mudar.

Acabei vendendo essa grande e falsa imagem de segurança quando, na verdade, eu era apenas uma garota assustada que morria de medo e tinha diversas frustrações.

Gabrielly S. 

Dançar

É quando a alma usa o corpo de instrumento musical. É se entregar ao vento e ao ritmo. É se sentir levada por algo maior que a gente. É uma levada boa, que expressa, que acalma. É desabafar sem dizer nada. É estar entregue e entregar o próprio controle. É ser controlada por outras notas de outra vida. É rebolar. 

É dizer ‘dane-se o mundo’ e ter um momento seu. Inteiramente seu. 

                                                                                             (João Doederlein)

Mulher

Você, mulher. Não tenha vergonha do seu corpo. Não tenha vergonha do seu rosto. Não viva desejando ser outra pessoa. Olhe pra você. Enxergue seu verdadeiro eu. Reconheça suas qualidades e valorize-as. Reconheça seus defeitos e aprenda a lidar com eles. Seja independente. Emocionalmente. Financeiramente. Socialmente. Seja única. Preserve sua essência. Faça o que lhe der vontade de fazer. Não se limite. Não se cobre tanto. Não se submeta às vontades alheias. O mundo é seu. Pegue. Conquiste. Se faça presente. Mostre pra o que veio. Descubra sua sensualidade. Descubra sua força. Descubra sua coragem. Pare de achar que é incapaz, você está no mesmo patamar de todas as outras pessoas. Viva. Prove. Sinta. E se te disserem que você não pode, ignore. Você pode tudo. Os outros são só os outros. Emancipe sua personalidade das opiniões alheias. E por fim, nunca abandone a si mesma.