se fode porra

É difícil. Ok, eu entendo. A gente se perde, vira alguma coisa incapaz de mudar e a rotina toma de conta. E olha, eu gostaria de te dizer que eu sou melhor que isso, certo? E sei que você é melhor que isso também, talvez mais louca, mais profana e melhor que essa casca enorme de egocentrismo e acidez. Talvez a gente se perdeu naquela casa enorme que tu tinha, isso tem muito tempo. Não dá pra dizer o que somos, um pro outro, só sei que somos melhor que isso. Nós não somos esse poço de distância e solidão e eu entendo, certo? É difícil pra você e eu estou aqui, tá bem? Mesmo que você não queira, eu estou aqui.
—  October, 1994