retribution: nina

Quando o pulmão se cansar, respire mais fundo e se mantenha vivo. Quando a perna tremer ou vacilar, tente ao máximo ficar em pé e se mantenha vivo. Quando suas mãos formigarem e o movimento diminuir, faça força para que seus braços se movam e se mantenha vivo. Quando seu coração apertar e doer, dê alguns socos para mantê-lo batendo e se mantenha vivo. E se sua visão ficar turva e seus olhos quererem fechar, abra mais ainda, enxergue além do que já enxergou algum dia e se mantenha vivo. E acima de tudo, se mantenha vivo, porque se não fosse para viver, com certeza não conseguiria se manter assim.
—  Dear Nick.
Das minhas experiências passadas, o que fez dar errado foi meu medo, eu tinha medo do que sentia e do que o outro podia sentir por mim, fiquei tão preocupada em não sofrer que cultivei meu próprio sofrimento. Se eu fosse uma pessoa normal diria pra você cair fora, que é uma furada, mas não sou , certo? Por mais que meu coração esteja frio e seja terra que ninguém mais habite, eu sei, lá no fundinho, que amor não é uma invenção da cabeça dos outros e que sofrer por ele não é uma regra eterna, sofremos por escolha, quando escolhemos ter medo. O sofrimento de medo dura mais do que o sofrimento de quebrar a cara, por isso aproveite que tem uma chama no seu coração e deixe pegar fogo. Ele pode gostar de você? Pode sim, também pode não gostar, mas quem é que sabe? Nem mesmo vocês  sabem o que está acontecendo?  Então descubram, juntos, é a melhor maneira.
—  Não perca essa chance. Para uma menina de 6 letras.
Acordo? Não fizemos. Palavras? Trocamos poucas. Mas nada disso lhe impediu de ocupar um espaço no meu mundo. Só que eu sou meio esperançosa demais, esqueci de avisar, gostei tanto de sua companhia que esperava que ocupasse um cargo maior, de suma importância ao meu ver. Porém, não ocupava apenas o meu mundo, ocupava de outras e nunca foi sua intenção abdicar de seu cargo da vida destas para se empenhar na subida de cargo na minha. Foi ai que cometi meu erro maior, já que você não quis tentar aqui, lá foi eu tentar ai, melhorar meu cargo, talvez ganhar mais e por um momento achei que ganharia uma promoção, não uma enorme, mas uma pequenina já valia muito e me dava sinais de que eu era capaz. Tolice. Abdicastes o cargo em minha vida, para ocupar um cargo na vida de outra pessoa, e eu, fiquei apenas aqui, com esse vazio que restou do seu lugar.
—  The diary of a heartless.
Eu queria que realmente tudo fosse verdade: que não estivesse mais em minha mente, que meu coração estivesse aceitando novos moradores, que sua passagem não tenha deixado marcas, que curtir a vida fosse melhor que te ter. Preguei essas coisas no meu pensamento e repeti constantemente para que eu aprendesse, decorasse, ou pelo menos que virasse verdade. Mas então, você me aparece e com apenas um sorriso, destruiu todo um mundo imaginário perfeito para mim, se fez ressuscitar ou pelo menos lembrar que não tem como apagar o passado, muito menos sentimentos. Por isso, preciso admitir, menti pra mim, no intuito de me fazer bem e fez, por um tempo. Infelizmente não encontrei sua boca nas outras que beijei, nem sua irreverência na fala de outros. Mesmo que eu tenha pintado sua inexistência, continuei procurando nas pessoas pelo mundo, sua essência e só achei mais vazio. Espero que esteja feliz, ou pelo menos confortável no lugar em que se instalou em mim.
—  Preceitos de Ben.

So here’s Nina again, still my dumpling-cheeked brainchild, still the sweetest lil nerd with a halo around her fluffy head. She likes sudoku, punching people, and taking catnaps in sunlight. If she loves you she’ll have a hard time remembering to say it out loud, so the few times that she does you should know that she really means it <3

Professor Dad

The only one we’re missing is a canon scene with Layton and his actual son. Make it happen Level 5. 

A lot of people seemed to like this post, so I added to it. More instances where the professor could be seen as a reassuring/protective/proud/wise/confused/struggling father figure. And by that I mean the scene where he’s struggling to hold onto Aurora and Luke. (“No! Stop  that, Young Lady! I’m trying to save you and this blue kid who constantly insists on following me into danger-! ) 

What’s that…? Emmy, Clive, Rosetta, Don Paolo Janice, and Katia maybe are adults? Most of them don’t act like it.

I libri erano i miei amici. Penso di aver imparato i sentimenti dai libri. Ho amato, riso e appreso più di quanto non avessi mai fatto in tutta la mia vita da non lettrice.
—  Una piccola libreria a Parigi, Nina George
É preciso, muitas vezes, que a dor se instaure, que sentimentos emerjam, a razão desapareça e você veja que a solidão só faz companhia até quando tudo está bem, mas quando o holocausto interior se instala, ela é a primeira a lhe deixar sozinho, jogado no canto da sala feito criança chorando. Eu já me decidi, não preciso pensar mais sobre isso. Se estou errado ou estou certo, não preciso procurar mais além. Isso não é só paixão, sei que é amor mas… Mesmo se eu dissesse pro mundo inteiro, nunca vou dizer o suficiente porque não foi dito a você e é exatamente o que eu preciso fazer se estou apaixonado. Eu me reconstruiria, voando em círculos. Esperaria, enquanto meu coração derrama algumas lágrimas, até minhas costas começarem a doer. Então finalmente isso poderia ser. Devo desistir ou devo continuar seguindo essa estrada mesmo que não leve a lugar algum? Seria um desperdício? Mesmo se eu soubesse qual meu lugar, devo deixar como está? No final, é só preciso de um abraço, daqueles bem fortes capazes de esmagar um coração e rejuvenescê-lo ao mesmo tempo, que abriga como num manto e aquece todo corpo, aquele abraço que te faz sentir seguro, como se nenhum mal pudesse lhe atingir enquanto estivesse envolvido naqueles braços, um abraço que talvez não poderá ter, porque agora nem a solidão se faz amiga.
—  By myself…HeroiP with Rubídea.
3

Just give your bro bro a snuggle and all will be alright Z ;D

I haven’t actually caught up in FT yet but I’m aware of the whole uproar in the recent chapters…I just want these dorks to be happy okay? But I’m currently watching the series in what feels like years and it’s getting really good! And Zeref is so adorable it should be illegal to be that cute and the greatest black mage of all time ahhahhh

I’m trying out a new style, you like~?

Mmmhh I need some more Zeref Natsu cute moments, you guys know how much I adore le brotherly love  ( ゚▽゚)/

Esqueceram de me avisar que seres humanos são enigmas e  que você é o mais difícil deles. Sempre fui fã de desvendar mistérios, de tentar entender todas as mentes, mas a sua? Admito que pra mim era uma total confusão, não compreendia como uma única pessoa podia ser um emaranhado de diversos sentimentos tão fortes quanto a própria força do Hércules, e que devido a isso não conseguia mostrar nada que há em sim. Mas no fundo, eu sabia o que escondia debaixo da cara fechada ou do sorriso escancarado… escondia um menino que batalhou muito na vida e sofreu também, principalmente de ‘amor’. Ah meu caro! Aponte-me quem nessa vida não sofreu de amor! Ao certo ainda não o encontrou. E sabe o que dizem os cientistas? Que a dor (causada por esses desastres da vida) ocorre somente nos 10 primeiros minutos depois de receber a bomba, e que sofrer por algo é uma escolha nossa. Por isso, me diga, queres mesmo sofrer? Queres fazer disso raiva e poluir seu coração, e usar disso pra causar dor em outras pessoas? Essa é sua escolha magnífica para apagar algo que já está gravado na sua vida? Pois saiba que nenhum sofrimento vai anular o seu, nenhuma dor vai te fazer sentir melhor, e mesmo sabendo disso continuar querendo causar mal a quem não teve relação com seus problemas? Então, parabéns pra mim pois acabei de te desvendar, você é apenas um menino com medo de amar.
—  Hugo, não peça desculpas.