recued

Há algo de muito triste na minha alma. Eu não tenho como tirar isso de mim. Você terá que aceitar. Não há poesia ou canção que distorça. Tento não entrar em pânico. Fico dizendo a mim mesma que sou capaz de fazer coisas incríveis. Mas sempre há algo que me impede. Um zumbido em minha cabeça. Por favor, tenha compaixão pela minha alma. Não me deixe só. Não recue diante do meu olhar vazio. Da falta de palavras em minha garganta. Do sopro de vida que há tempos não respira em meus pulmões. Há uma selvageria em meu peito que corroí as paredes da minha pele numa dança frenética de fuga. A sinfonia de um mar violento se suicidando em rochas cada vez mais promiscuas. Parte de mim anseia a liberdade dos dedos de um violinista nos acordes de uma chuva tardia findando-se no horizonte. A ousadia do olhar inocente perante as miudezas de uma boca descobrindo os segredos de um corpo nu. A orgia do vento que balança os cabelos muito bem arrumados de uma criança em uma tarde sonolenta de verão. Eu quero isso que vocês chamam de vida. Essa predisposição de abrir os olhos para mundo sem sentir medo de que ele não devolva o olhar. As risadas calorosas de um chá quente de fogão a lenha. De render meu coração na palma da mão de alguém. Eu quero acreditar que sou capaz de ser melhor do que sou. Na minha capacidade de entrega. De não temer o inesperado. Ser peregrina destemida em vários mundos. Mais ai suspiro. E compreendo que é preciso haver aceitação. Essa urgência é necessidade efêmera de um corpo exausto de doer sozinho. Carrego-me hostil. A pele voraz diante de qualquer sinal de ternura. Há um deserto imenso que terá que caminhar para chegar até mim. Sem a certeza se valera a pena. Isso caberá exclusivamente do que carrega no peito. Se você tiver paciência para ver além dos danos. Se o que sente é a pureza intrínseca em sua essência livre de prematuridades te carregarei nos meus braços entre os ventos mais traiçoeiros até que as estrelas adormeçam nossas pálpebras em sua luz.
—  KEHL, Luisa.
4

Hallelujah! It’s Jeff Buckley!

This 45 lb 2-3 year old Hound/Lab mix loves to play! Jeff can be a little shy when you first meet him but warms up quickly! He’s been around both large and small canines and has done great with both sizes. He loves to take walks and his favorite type of toys are chew toys. Overall this guy is a super star and ready to settle down with his forever family!

He is neutered, microchipped, and up to date on vaccines.

Email seespotrescued@gmail.com for an adoption application or download it here: http://bit.ly/SSR-APP-MAY2014.

youtube

And here’s a more detailed look at the “operation”, by the end of the video you can see the captured police officers, most of them liberated during the failed peace talks of 1999-2001, and the rest recued in subsequent years.

Kindle: http://goo.gl/EirqOH
Paperback: http://goo.gl/FzIFNf
Google Play: http://goo.gl/nKEVQ0

Las historias de amor vienen en todos los tamaños, formas y colores. Para sentir lo que es el amor verdadero no necesitas conocer una historia desde sus inicios, pues siempre se puede volver a comenzar aunque detrás de ti haya ya una historia que contar con un inicio diferente y un final inesperado.

¿Qué haces cuando la persona que mejor te conoce en el mundo recuerda todo sobre ti exceptuando tu voz, tu rostro y tu nombre? ¿Abandonas esos sentimientos o luchas por recuperar su corazón?

Web oficial: http://trilogiarecuerdame.blogspot.mx

#Recuérdame #Amor #París #Amazon #Kindle #Wattpad #WattpadLife #Books #Readers #Libros #Lectores #MeGustaLeer #AmoLeer #Fandom #Google #GoogleBooks

anonymous asked:

What would you do if you found John not breathing?

Oh goodness!!  What a thought!  Are you the anon who asked about Gordon drowning??  Are you trying to kill off my Godsons???   If I found John not breathing, I would immediately initiate full recuscitation procedures whilst getting him to safety.  Of course, if he was in space, I’d get him to safety and then the recus.  

2
Zeroes by Scott Westerfeld

Release Date: September 29, 2015

Don’t call them heroes.

But these six Californian teens have powers that set them apart.

Take Ethan, a.k.a. Scam. He’s got a voice inside him that’ll say whatever you want to hear, whether it’s true or not. Which is handy, except when it isn’t—like when the voice starts gabbing in the middle of a bank robbery. The only people who can help are the other Zeroes, who aren’t exactly best friends these days.

Enter Nate, a.k.a. Bellwether, the group’s “glorious leader.” After Scam’s SOS, he pulls the scattered Zeroes back together. But when the recue blows up in their faces, the Zeroes find themselves propelled into whirlwind encounters with ever more dangerous criminals. At the heart of the chaos they find Kelsie, who can take a crowd in the palm of her hand and tame it or let it loose as she pleases.

Filled with high-stakes action and drama, Zeroes unites three powerhouse authors for the opening installment of a thrilling new series.

Where to Buy
Amazon | Barnes & Noble | BookDepository | IndieBound

Aujourd'hui il a plu à la maison, non-stop toute la journée. J'ai joué de la guitare avec Parrain, on a regardé des tatoo d'artistes qui sont juste extra ! On a commencé à réfléchir et à faire quelques essais pour mon futur tatouage aussi. Sho est arrivé, ça faisait cent ans que je ne l'avais pas vu ! Le soir j'ai fait pleins de transferts et j'ai commencé à dessiner un chien fou japonais. J'ai piquer une citrouille. J'adore sentir la machine qui vibre sous les doigts c'est dingue! On a fêter l'anniversaire a mon petit crapaud de meilleure amie et en plein déballage de cadeaux une araignée m'a fais monter sur une chaise. J'ai recu des messages qui m'ont vachement fait plaisir aussi. C'était une bonne journée

“Há algo de muito triste na minha alma. Eu não tenho como tirar isso de mim. Você terá que aceitar. Não há poesia ou canção que distorça. Tento não entrar em pânico. Fico dizendo a mim mesma que sou capaz de fazer coisas incríveis. Mas sempre há algo que me impede. Um zumbido em minha cabeça. Por favor, tenha compaixão pela minha alma. Não me deixe só. Não recue diante do meu olhar vazio. Da falta de palavras em minha garganta. Do sopro de vida que há tempos não respira em meus pulmões. Há uma selvageria em meu peito que corroí as paredes da minha pele numa dança frenética de fuga. A sinfonia de um mar violento se suicidando em rochas cada vez mais promiscuas. Parte de mim anseia a liberdade dos dedos de um violinista nos acordes de uma chuva tardia findando-se no horizonte. A ousadia do olhar inocente perante as miudezas de uma boca descobrindo os segredos de um corpo nu. A orgia do vento que balança os cabelos muito bem arrumados de uma criança em uma tarde sonolenta de verão. Eu quero isso que vocês chamam de vida. Essa predisposição de abrir os olhos para mundo sem sentir medo de que ele não devolva o olhar. As risadas calorosas de um chá quente de fogão a lenha. De render meu coração na palma da mão de alguém. Eu quero acreditar que sou capaz de ser melhor do que sou. Na minha capacidade de entrega. De não temer o inesperado. Ser peregrina destemida em vários mundos. Mais ai suspiro. E compreendo que é preciso haver aceitação. Essa urgência é necessidade efêmera de um corpo exausto de doer sozinho. Carrego-me hostil. A pele voraz diante de qualquer sinal de ternura. Há um deserto imenso que terá que caminhar para chegar até mim. Sem a certeza se valera a pena. Isso caberá exclusivamente do que carrega no peito. Se você tiver paciência para ver além dos danos. Se o que sente é a pureza intrínseca em sua essência livre de prematuridades te carregarei nos meus braços entre os ventos mais traiçoeiros até que as estrelas adormeçam nossas pálpebras em sua luz.”

KEHL, Luisa.

daughterof-wolves asked:

3:Favourite Christmas film? 10:Favourite gift you've ever gotten? 11:Do you get excited for Christmas? 27:Do you own a Christmas jumper?

3:Favourite Christmas film? ) J’adore le Grinch !
10:Favourite gift you’ve ever gotten?) J’ai recus une lampe en forme de lune et un livre Pusheen le chat, cetait les plus beaux cadeaux du monde
11:Do you get excited for Christmas? ) Oh ca oui, surtout pour la bouffe franchement et l’ambiance, et les marchés de noel 
27:Do you own a Christmas jumper? ) Non mais comment je kifferais trop, ca fait tellement kitsh

Se te apetece esforçar, esforça te,se te apetece repousar, repousa, se te apetece fugir, fuja, se te apetece resistir, resista, mas saiba bem o que te apetece, e não recue ante nenhum pretexto, porque o universo se organizará para te dissuadir.

- Nietzsche

pixiedurango asked:

Nininaelle Lavellan was in love for many years with a shady, brooding minstrel who was also a member of the band of rogues she was a member of. He taught her to read, write and sing and he ended up on the gallows for selling fake relics - she had to watch it and could not do anything to his recue.

(oh my goodness I wasn’t expecting to get one back thank you ;w;)

I’m gonna go with Equalizer again because I love and miss him so much.
Throughout his life on Earth, Equalizer had no family. No support system. It was litterally him against an unfamiliar, yet intriguing world. His mother and father remain a mystery to him. Though he did eventually muster up the courage to meet the other people and creatures around him. Learn their ways. Make friends. But no one except for Ark could ever stay too close with him for too long… and he never really understood why.