rapariga bonita

Ninguém é realmente feliz. Vejam o que a falta de dinheiro faz! Vejam o que o excesso de dinheiro faz! Olhem para os pais se matando para alimentar os filhos e os filhos roubando porque não acham suficiente. Vejam os pais dando tudo aos filhos e eles pedirem mais e mais. São infelizes, todos eles. Olhem á vossa volta, pra rapariga alegre que perdeu os pais, pra rapariga icrivelmente bonita que é tratada como puta, pro rapaz inteligente que é gozado. Olhem com olhos de ver para os que gozam dele! São miseráveis! Tão miseraveis que encontram conforto ao fazer os outros se sentirem mal, tão tristes que fazem de tudo para que haja gente a se sentir pior que eles.
Agora olha bem para ti, achas que estás feliz? De certeza que nada nem ninguém te pode derrubar agora? Eu posso, o mundo inteiro pode, uma palavra, um gesto ou até um silêncio e aquilo a que chamas felicidade simplesmente evapora.
Lembras-te daquela senhora idosa que todos gozavam e ela ignorava? Ela nunca foi feliz. O homem que ganhou a lotaria sente saudades da simplicidade da vida.
Somos impossiveis de agradar e por isso criaturas permanentemente infelizes. Mesmo sorrindo, brincando, esquecendo, ignorando… Feliz é aquele que não vive, pois na vida não existe tal coisa como felicidade.a
—  Cristina Lemos