que resposta

houve uma madrugada em que meu corpo sentiu o impacto da ausência,
e não foi só a sua
lembra aquele dia em que você perguntou como eu estava, e eu disse que a vida seguia, mas eu não sabia pra onde? pois é, naquela madrugada eu descobri que não havia resposta mais certa
tem coisas que não dependem do nosso controle, e você foi uma delas, a vida, ás vezes, também é
o acúmulo de coisas mal resolvidas se transforma em uma bola de neve que me atinge nos momentos mais frios e pesados, e eu caio
ás vezes a vida pesa, meu bem, e eu não suporto, não suporto mais
queria eu conseguir seguir firme e forte como sempre fui, mas chega uma hora que não dá, não dá, não sou de ferro
e por ser fraca e maleável e tão fácil de se imergir, você me transpassou
foi mais que um toque ou penetração
eu não estou falando apenas de corpo ou de alma, se é que algo vai além disso
mas tudo em mim foi invadido, de um lado a outro, de todas as maneiras
e já não sei mais o que dói, o que pesa ou o que falta
e continuo sem saber pra onde a vida segue
só sei que a vida me atinge mas você me atravessa.

É melhor não fazer tempestade num copo d'água e ficar quietinho. Parar de mandar mensagens pedindo conselhos e tentando aprender um jeito mais rápido de me curar de um sofrimento recente. Ninguém sabe como me responder. Ou melhor, na maioria das vezes, ninguém tenta pensar numa resposta que seja real. Só me oferecem frases prontas e eu só respondo com agradecimentos falsos. Por isso, vou engolir meus problemas e digeri-los sozinho. Com a tempestade dentro do meu corpo e não do copo d'água.
—  Salvador, 1997.
- Pai, por que devo amar a Jesus? - perguntou certo dia um dos meus filhos.
Tentando achar uma resposta que satisfizesse a curiosidade do garoto, olhei bem nos olhos dele e indaguei:
- Você gosta do papai?
- Claro que sim - respondeu.
- Mas você já pensou por que é que gosta do pai?
Seus olhinhos se movimentaram de um lado para o outro com uma rapidez extraordinária, e, com um sorriso iluminando-lhe o rosto disse: - Porque você gosta de mim.
—  Alejandro Bullón em “Conhecer Jesus é Tudo”
Nenhuma sabedoria poderá intentar vencer Deus e sair bem sucedida. Vejamos Jó, após suas inúmeras perguntas quanto ao seu sofrimento e a vida em si, Deus lhe aparece fazendo-lhe diversas perguntas também. Eu aprendo que não são as respostas da vida que nos fazem amadurecer, e sim, os questionamentos que Deus nos permite fazer. Jó nos prova que algumas coisas acontecerão na nossa vida, e nunca teremos respostas sobre elas, nem mesmo Deus respondeu as perguntas de Jó, refletir sobre os espinhos trazem mais crescimento que tentar entende-los.
—  Jhonatan Stuartt.
Sentei em frente ao espelho, observei cada detalhe meu, dos bons aos ruins e a pergunta foi: - “Quem ousaria me amar, conhecendo todos os meus defeitos e qualidades, além de mim?”. E ri sozinha ao perceber que a resposta foi: - “Certamente, um bocado de gente, um tanto loucos, mas amariam”. Mas é preciso ter coragem, eu preciso ter, preciso ser ousada e muito louca para me amar sem medidas, afinal, é do meu amor que eu preciso.
—  Mar e amar, doce.
Algum dia queria te encontrar por acaso, e gostaria que ambos estivéssemos sozinhos. Tenho vontade de ter algum tipo de conversa com você, saber como anda sua vida. Conhecer um pouco da sua rotina de hoje em dia, saber sobre o trabalho, se está na faculdade. Você sempre foi inteligente, só tinha um pouco de preguiça de estudar. Eu às vezes paro e dou risada de mim e de todos os relacionamentos que já tive. Sempre namorei com homens inteligentes, e fico pasma com o fato deles terem namorado comigo, que nunca fui alguém muito inteligente, do tipo que pensa rápido a resposta de alguma questão. Se você conseguir lembrar ainda algo de mim, sabe que exatas sempre foi meu ponto fraco, minha eterna kryptonita. Eu sempre gostei de letras, história e inglês, você sabe… Ou pelo menos costumava saber. Tem coisas que não mudaram em mim. Eu ainda sou um pouco estabanada, fico nervosa quando estou com vergonha, e ainda tenho aquela mania de ficar balançando a perna e tirando o esmalte da unha quando estou ansiosa. Ainda continuo tagarela e falando pelos cotovelos. A única coisa que mudou desde que você se foi, é que tenho vivido cada vez mais solitária. Antes eu costumava ter você, e hoje em dia as pessoas ainda não costumam permanecer em minha vida. Ah, mas não se preocupe… Eu amadureci também, e saiba que isso já não me deixa mais pra baixo como antes. Estou sendo cada vez mais forte, e sabendo lidar muito bem com a solidão. Tenho lido cada vez mais, e mergulhado profundamente no mundo da fantasia. Sei que isso não é tão bom assim, mas é mil vezes melhor do que continuar vivendo essa realidade tão vazia e cruel. Seria tão bom poder conversar com você mais uma vez, e te dar ao menos um último abraço, um último beijo e poder ouvir você dizer pela ultima vez que tudo vai ficar bem. É bom sonhar às vezes e pensar em você. E é uma pena que o mundo deu muitas voltas, e mandou cada um de nós pra um lado diferente. Mas saiba que eu ainda permaneço no meu cantinho, com fones nos ouvidos, os olhos vidrados em séries e/ou livros, só esperando a chance de poder te encontrar mais uma vez, justamente numa dessas voltas que o mundo dá.
—  Resquícios de Outubro.
Com você eu quero mais que simples respostas obtidas através de perguntas óbvias. Quero não só conversar, como adentrar na sua vida. Quero saber os detalhes, as besteiras, coisas que ninguém nunca soube antes sobre você. Quero tocar não só o teu corpo, mas tua alma. E quero poder sentir tudo o que se esconde por baixo da sua fantasia. Quero que você me conheça. Quero que você entenda os meus erros, meus defeitos. Quero poder fazer de você o meu ponto de segurança, meu abrigo para os dias difíceis. Quero ser o seu abrigo para os dias difíceis. Quero ser a pessoa a quem você recorre quando o mundo esmaga. Quero pra nós uma coisa concreta, bonita, verdadeira. Quero você comigo de corpo e alma, de alma e coração, de coração e sem hora pra ir embora.
—  Desiludiste
E você ainda é o homem mais lindo do mundo. No canto da foto dos amigos bêbados, e você é o homem mais lindo do mundo. Com gorro, no meio da confusão do frio. Escondido embaixo de tanta roupa. No fundo do mar. No escuro. De costas naquela festa chata. Meu Deus, como você é lindo. Não sei direito o que é aurora boreal, mas acho que deve ser algo lindo que se formava enquanto você era feito. Não sei direito o que é isso que eu sinto por você. Mas como é maravilhoso fumar você, cheirar você, tomar você, injetar você. Calar a boca. Me pergunta uma daquelas coisas para eu dar uma daquelas respostas que você morre de rir. Me deixa pirar no seu céu da boca escancarado. Você se joga pra trás. E só porque você e o mundo inteiro têm certeza do quanto você é lindo, você faz questão de sempre se largar no mundo. É a liberdade que só tem quem é infinitamente lindo ou infinitamente feio. Eu sou mais ou menos, mas nesse segundo, já que comprei sua beleza, sou a mulher mais linda do mundo. Me deixa ser linda vestindo você. Outro dia me peguei pensando um absurdo que me fez feliz. É triste, mas me fez feliz. Pensei se isso que você faz, de ficar horas comigo depois de ter ficado horas comigo. Se isso é algum tipo de caridade sua. Porque, veja bem. Somos plantas e pássaros diferentes. Eu sou a bonitinha que lê uns livros e vê uns filmes. Você é essa força absoluta e avassaladora que jamais precisará abrir a boca para impor sua vitória. Você coloca aquele moletom cinza com dizeres do surf e eu experimento um guarda-roupas inteiro pra ficar à sua altura. Você é essa força da natureza que deu certo. E como eu não sou mulher de correr da dor, deixo ela entrar aos pouquinhos, esbugalhar meus sentidos, enfraquecer meu orgulho. Quando vejo, estou calada novamente, ouvindo o que você não diz e vendo o que você não faz . Não existe não morrer um pouco quando você chega.
—  Tati Bernardi.
Em algum canto aqui, você habita. Faz anos, eu acho. Sabe que não lembro quanto tempo faz desde que você chegou? Mas pensando como uma entusiasta: parece que foi ontem. Eu te vi passar com outros amores, te vi passar com outros encantos, por esse canto da minha vida que você insiste em ocupar. A dor que eu sentia passou, mas no fundo eu sei que ainda sinto um beliscãozinho quando você sorri pra alguém que não sou eu. E me pergunto: Será mesmo que não sou merecedora dessa tua famigerada risada? Acho que a resposta está escondida no que restou do meu amor próprio. Do canto que tu habita, uma voz fraca, praticamente silenciosa, sussurra quase que inaudível: Você merece coisa melhor.
—  Desanimo, quando te vejo passar.
Sabe quando desistem de ti e uma situação de completa frustração moral começa a te dominar? Inicia-se pelos pensamentos de que você contém todos os problemas do mundo para que as pessoas te deixem de lado. Depois, vem a reflexão de porquê ninguém faz um esforço para te manter por perto. Sendo que, sempre se esforça para não se desprender de quem quer que seja. Daí vem a conclusão de como a sua existência é inútil; em como ninguém aceita seus defeitos e suas confusões emocionais, por não ter a assistência necessária para colocar a auto-estima em um nível mais alto. A resposta que se define é: sua pessoa não é importante para ninguém, e numa hora ou outra todos irão embora e restará apenas a própria solidão ao lado.
—  (escrevinhar)
Porque eu sei que é amor, eu não peço nada em troca. Porque eu sei que é amor, eu não peço nenhuma prova. Porque eu sei que é amor, sei que cada palavra importa. Porque eu sei que é amor, sei que só há uma resposta.
—  Titãs, porque eu sei que é amor.

É que eu tenho tanto a dizer, mas não sei nem por onde começar. Se pelo caos em que minha cabeça se encontra ou pelo dia em que você resolveu ir embora. Se pela bagunça do meu quarto ou pelas incertezas espalhadas ao meu redor. Tento entender o porquê de cada coisa, mas quanto mais tento, mais me afundo em interrogações que parecem não ter fim. Não sei se um dia vou encontrar as respostas que procuro. Mas confesso que não me importaria se não encontrasse essas respostas, caso você estivesse aqui comigo. Porque no meu mundo você seria paz, calmaria, mas você escolheu ser caos, ausência, confusão. Se você resolver voltar, me avisa, vou preparar minha casa e meu coração pra te receber de volta. Continuo te esperando, mas não demora, é por tempo limitado.

De uma vez por todas aprenda, se a pessoa te ama ela te procura, corre atrás, se importa e se interessa. se a pessoa realmente te ama ela corre ao seu lado e não na direção oposta, é cansativo se importar com alguém que não está nem ai pra você, cansa procurar por alguém que se esconde, nunca está disponível. entenda quem realmente te ama vai ter mil motivos pra falar com você, vai lhe perguntar das coisas mais bobas em que as respostas são obvias. então desista, pois quem ama desiste para não perder o amor por si próprio
—  Admiradora-desorrisos.