protestos

5

Avante, feminismo insurgente, contra a corja de Cunha e o fundamentalismo teocêntrico patriarcal! As ruas não vão se calar!

LEITURAS RECOMENDADAS:

Notas sobre um feminismo valente

Feminismo é “odiado” por ser revolucionário, diz filósofa Márcia Tiburi

Tire o Cunha do Corpo das Mulheres do Brasil, por Ricardo Targino, da Mídia NINJA

Tornando-se mulher: 20 filmes para quem se ferrou no ENEM 2015